chá de macela -chá de macela emagrece até 17kg.

Emagrecimento Rápido

--------------------------

chá de macela.

Uma poderosa flor amarela, chamada marcela
Males do estômago, dores de cabeça, gripe e até conjuntivite podem ser combatidos com o chá da erva
Nesse período do ano só se fala nela, a macela, ou marcela, nome popular. Muitas pessoas têm por tradição colher a erva na Sexta-feira Santa, antes do nascer do sol. Acredita-se que assim a eficiência do chá das flores se torna ainda maior. Nínguém sabe como esse costume começou, mas ele faz parte da cultura dos gaúchos que a instituiu como Planta Medicinal Símbolo do Rio Grande do Sul.
A macela é uma planta herbácea, perene, podendo chegar até 1m de altura. Na região floresce no mês de março, suas flores são amarelas e têm um perfume inconfundível.
Deve-se colher as plantas certas, devidamente identificadas, em boas condições de higiene, produzidas longe de fontes poluidoras e guardadas de maneira adequada. Além disso, a preparação correta para o uso, de maneira eficaz, são passos básicos para que se tenha a possibilidade de terapêutica correta.

--------------------------

As propriedades medicinais da marcela.

As propriedades medicinais da marcela

Azia, cálculo biliar, clarear cabelos, cefalalgias, cólicas intestinais, contrações musculares bruscas, contusões, desordens menstruais, diabetes, diarréias, disenteria, disfunções gástricas e digestivas, dor de cabeça, dor de estômago, epilepsias, espasmos, estimulante da circulação capilar, febre; gastrite, impotência, inapetência, inflamação, lavar feridas e úlceras, má digestão; pele e cabelos delicados; nervosismo, perturbações gástricas, protetor solar, queda de cabelos, resfriado, retenção de líquidos, reumatismo, suores fétidos nos pés.

Modo de usar:
infusão, decocção.

Uso interno:
- infusão de 2 xícaras das de cafezinho em ½ litro de água. Tomar 6 xícaras das de chá ao dia;
- infusão de 10 g de flores em 1 litro de água. Beber 3 a 4 xícaras ao dia após as refeições;
- sumo: epilepsias, perturbações gástricas;
- Essa planta pode ser usada, livremente, sem inconvenientes, na água do chimarrão.

------------------------

Macela é uma muitas vezes considerada uma erva daninha.

Macela é uma muitas vezes considerada uma erva daninha.

Macela é uma erava aromática que cresce até 1 m de altura. Produz pequenas flores brancas com centros amarelos e folhas serrilhadas verdes. Ela é originária da América do Sul, incluindo Argentina, Bolívia, Brasil, Colômbia, Equador, Guiana, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela.

Uso Medicinal

A erva também é conhecida por marcela e tem sido utilizada na medicina popular durante muitos anos.

O chá de infusão feito com toda a planta é usado como um remédio natural para cólica, nervoso, epilepsia, náuseas e problemas gástricos. Também é empregada como um anti-inflamatório, antiespasmódico menstrual, sedativo, e analgésico para distúrbios gástricos, problemas de fígado, diarreia, e disenteria. Esta mesma infusão é utilizada para reumatismo, nevralgias, dores musculares, e até mesmo menstrual.

Muitas pessoas esmagam as flores para serem adicionadas a travesseiros ou almofadas como ajuda para dormir.

------------------------

Propriedades químicas do chá de macela.

Propriedades químicas

A análise fitoquímica da macela, que começou em meados dos anos 1980, mostra que ela é uma erva rica em flavonóides. Muitas das suas propriedades ativas são atribuídas a estes flavonóides, bem como ao terpenos.

Também foram encontrados na macela: macela Achyrocline polissacarídeos e achyrofuran, auricepyrone, cadinene, ácido caféico, callerianin, calleryanin, caryatin, cariofileno, ácido clorogênico, cineol, flavonas, galangina, germacreno D, gnaphaliin, italidipyrone, lauricepyrone, luteolina, ocimeno , pineno, pirona, quercetagetin, quercetina, scoparol, scoparone e tamarixetin.

A macela

A macela (Achyrocline satureioides) é uma erva da flora brasileira, também conhecida por macela-do-campo, macelinha, macela de travesseiro, carrapichinho-de-agulha, camomila nacional etc.
É um arbusto perene que atinge cerca de um metro de altura e que na região sul costuma florescer no mês de março. As flores são amarelas, com cerca de um centímetro de diâmetro, florescendo em pequenos cachos. As folhas são finas e de cor verde-claro, meio acinzentada, que se destaca do restante da vegetação do campo.
Na região sul do Brasil as flores da macela costumam ser usadas pela população como estofo de travesseiros para os bebês, por se acreditar que tenha efeitos calmantes.
As flores têm um aroma agradável e a infusão destas ou de suas folhas supostamente alivia dores de cabeça, cólicas e problemas estomacais (veja lista de plantas medicinais).
Especificamente no Rio Grande do Sul há a tradição de colheita da macela na Sexta-Feira Santa, antes do sol nascer; pois acredita-se que a colheita nesse dia traga mais eficiência ao chá das flores. A planta é considerada um dos símbolos oficiais do Rio Grande do Sul.
No Nordeste elas florecem em setembro e geralmente são indicadoras de solos acidificados e degradados.
Na cosmética, a macela também atua como um bom clareador natural para os cabelos de tons castanho claro à louro, ainda que seja bem menos conhecida para essa finalidade que a camomila, a macela é o principal componente ativo de alguns xampus para cabelos claros.

-----------------------------

Emagrecer Urgente

Emagrecer Emagrecimento Dietas Emagrecedor