Dieta congelada -Dieta congelada emagrece até 17kg.

Emagrecimento Rápido

--------------------------

Dieta congelada.

Dieta com comidas congeladas pode ser eficaz, diz nutricionista

A rotina corrida muitas vezes é um empecilho para quem planeja fazer uma dieta. Por isso, o mercado de comidas prontas está investindo cada vez mais nas linhas light. Mas, para saber se esse tipo de dieta pode mesmo funcionar e se os alimentos se mantêm saudáveis mesmo com o congelamento, Marie Claire conversou com a nutricionista Adriana Kobayashi, da clínica Equilibrium.

Marie Claire - Uma dieta congelada na qual a pessoa recebe o cardápio da semana toda já definido e com o número de calorias determinado, pode funcionar?
Adriana - Sim, pode funcionar. O ideal é que a pessoa tenha sido orientada por um profissional especializado para que a dieta contenha a quantidade necessária de calorias e nutrientes, para que o emagrecimento seja feita de forma saudável e duradoura.

MC - O congelamento dos alimentos interfere de alguma forma nas propriedades nutritivas?
A - Não, desde que ele tenha sido feito de maneira correta e segura. O congelamento é um dos vários tipos de conservação de alimentos e é o que mantém o alimento mais próximo do seu estado natural com o mínimo de perda na cor, pureza e textura, mantendo suas propriedades nutritivas.

MC - Por quanto tempo uma pessoa pode seguir uma dieta com alimentos congelados?
A - Desde que essa dieta seja controlada e orientada por um nutricionista, a pessoa pode seguir o tempo necessário para o tratamento. Mas o ideal é que ela esteja associada a um processo de reeducação alimentar, e que inclua ao longo do dia outros alimentos saudáveis como frutas, iogurtes e cereais integrais. Além disso, podemos completar as refeições congeladas com um porção de salada ou uma sopinha de legumes.

MC - Alguma dica de como tirar proveito desses menus prontos congelados? Por exemplo, comer apenas no jantar para não enjoar ou algo assim?
A - O importante é a diversificação dos pratos. Tente variar bem intercalando carne, peixes, aves e soja no almoço; no jantar, sopas e quiches são boas opções.

MC - O que se deve observar antes de comprar pela internet um menu semanal de dietas congeladas? A que tipos de alimentos se deve dar preferência, quais se deve evitar?
A - É importante observar se as dietas são elaboradas por nutricionistas; se têm variedades de pratos; como são porcionadas as quantidades (se as porções forem muito pequenas, logo a fome aparece); se o prato é equilibrado em relação aos nutrientes; a lista de ingredientes e modo de preparo; o prazo de validade e/ou fabricação e se os pratos congelados não têm cristais de gelo sobre a comida. Dê preferência aos pratos balanceados que tenham carboidratos, proteínas e legumes, e evite as frituras, alimentos gordurosos, empanados e doces.

--------------------------

dietas de congelados por uma semana..

dietas de congelados por uma semana.

A regra das dietas é quase sempre a mesma: aumentar o consumo de alimentos leves e naturais e cortar a ingestão de gorduras e açúcares. Por isso, fazer um regime à base de comida congelada - com direito a massas, molhos e doces -, pode parecer estranho.

A reportagem testou três programas comercializados por empresas diferentes, durante uma semana. O resultado, ao final desse período, foi a diminuição do ponteiro da balança (clique aqui para ver galeria de fotos de algumas refeições). Vale lembrar que as opiniões são das três jornalistas que se dispuseram a experimentar os produtos. Não têm, portanto, efeito médico.

Empresas especializadas no assunto vendem kits de refeições light, com baixas calorias e preços altos. Algumas empresas cobram mais de R$ 400 reais para um conjunto de uma semana. A promessa é eliminar até 3 kg do cliente por semana.

Para a nutricionista Solange de Oliveira Saavedra, gerente técnica do CRN (Conselho Regional de Nutricionistas - 3ª Região), esses congelados facilitam a vida de quem quer pegar firme em um regime alimentar, mas ainda não sabe ou não se adaptou às escolhas que seriam corretas para sua dieta.

Em geral, quem adquire um programa do gênero não precisa se preocupar com a quantidade, o tipo nem o preparo das refeições. Além disso, economiza tempo.

- As maiores vantagens de uma refeição congelada, com certeza, são a praticidade e a rapidez na hora do preparo. Os pratos, geralmente, ficam prontos em minutos.

Já quem está acostumado a fazer dieta e se preocupa com o peso tem noção sobre o que é mais saudável. Se for o seu caso, esse método não é o mais indicado, já que o dinheiro investido é bem maior.

Atenção para a escolha dos produtos
Cuidado na hora de optar por alimentos congelados. Eles podem esconder algumas armadilhas, como o excesso de sódio, usado para a conservação da comida. Segundo Solange, o excesso dessa substância pode levar a um desequilíbrio dos fluidos corporais. Os possíveis efeitos colaterais dessa situação são: retenção de líquidos (inchaço), aumento da pressão arterial, dor de cabeça, delírio, parada respiratória e problemas de pele.

Alguns dos pratos testados pela reportagem chegam a ter mais de 30% de sódio, quantidade considerada elevada para uma refeição.

Também pesa contra essas dietas a baixa quantidade de calorias disponibilizada por dia, alerta Mariana Del Bosco, nutricionista da Abeso (Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica).

- O cálculo do consumo de calorias é baseado em informações como: peso, altura, sexo, idade, gasto energético com as atividades do dia a dia e atividade física. No geral, recomendamos, para as mulheres, uma dieta a partir de 1.200 kcal e, para os homens, a partir de 1.800.

Por isso, quem optar pelo método não deve se limitar aos alimentos disponíveis no kit, ensina a especialista do CRN. Solange explica que os pratos congelados devem ser complementados com saladas e frutas para garantir um bom aporte de vitaminas, minerais e fibras.
Ainda é preciso ter em mente que, ao ser congelado, qualquer alimento sofre uma perda nutricional. Mariana afirma que o resfriamento industrial envolve, além do alto teor de sódio, mais quantidade de gordura.

Para quem quiser aderir a esse tipo de dieta, Solange dá uma dica:

- Verifique, no site da empresa ou na embalagem do produto, se são fornecidos o nome e o número do registro no CRN de um nutricionista responsável.

------------------------

Emagrecer Urgente

Emagrecer Emagrecimento Dietas Emagrecedor