Shake pronto -Shake pronto emagrece até 17kg.

Emagrecedor

--------------------------

Shake pronto emagrecedor.

Shake pronto: nós testamos!
Sem ânimo para fazer dieta? Aposte nos shakes. Eles ajudaram cinco leitoras a perder até 3 quilos em 15 dias, sem seguir cardápio nem contar calorias
Práticos, os shakes para o controle de peso dão uma força para quem está na batalha contra os quilinhos extras. Podem substituir uma refeição com uma quantidade menor de calorias, sem deixar você com fome ou carente de vitaminas e minerais. Também oferecem carboidratos e proteínas. "Esses nutrientes costumam entrar nos shakes em proporções mais equilibradas que no tradicional café com leite e pão. Aliás, muita gente consome esse trio até no jantar e, por isso, engorda", diz a nutricionista Cynthia Antonaccio, diretora da Equilibrium Consultoria em Nutrição e Bem-Estar, em São Paulo. Mas nem sempre a bebida reproduz uma refeição com todos as substâncias necessárias para o organismo. Pode faltar, por exemplo, fibras e gordura. Nada, porém, que não possa ser compensado com uma fruta (inteira ou batida na própria bebida) ou uma salada de folhas temperada com azeite – fonte de gordura boa. Além disso, os shakes têm como aliados barrinhas de cereais ou cápsulas de fibras. Alguns kits ainda incluem complementos de proteína e chás antioxidantes (desintoxicam e desinflamam o organismo) e termogênicos (aceleram a queima das gordurinhas), assim como sopas instantâneas que garantem uma refeição salgada e quentinha. Mas é você quem decide: comprar todos os produtos da linha ou só o shake.

--------------------------

Shake nosso de cada dia.

Shake nosso de cada dia
Confira o resultado da enquete realizada no site da revista Dieta J�!: 66% das leitoras assumem que usam shakes para emagrecer. Entre as hist�rias das mulheres que votaram, certamente deve haver muitos casos como a da jornalista carioca Daniella Santoro, 30 anos, em longa luta com a balan�a. Desde que deu � luz em 1998, ela verificou que o ponteiro n�o parava mais de se mexer... para cima! "Ao contr�rio de outras m�es que afinaram enquanto amamentavam, eu engordava cada vez mais", conta. Diante do resultado de alguns exames, descobriu que sofria de um dist�rbio na tire�ide, que segue tratando at� hoje. Junto com a medica��o apropriada, que regulariza o funcionamento da gl�ndula, come�ou um rigoroso regime alimentar. Em setembro do ano passado, quando j� havia eliminado 15 kg, encontrou um grande aliado: o shake. "Substituo o caf� da manh� e o jantar. Adotei produtos � base de leite de soja, que � bem saud�vel. O melhor � que n�o sinto fome", declara, entusiasmada, ao confirmar a perda de mais 8 kg nos �ltimos seis meses.

Dividindo espa�o com as barras de cereais e as energ�ticas, esses alimentos podem mesmo ser vistos como op��o para facilitar a jornada de quem briga diariamente com o excesso de gordura. Hoje s�o aceitos at� mesmo por nutricionistas, al�m de serem objeto de pesquisas que comprovam a sua efic�cia [veja detalhes em quadro na outra p�gina]. "Eles s�o pr�ticos, vers�teis e tamb�m saborosos

------------------------

funciona shake.

funciona shake
Estes produtos, disponíveis em diferentes fórmulas, cada uma adequada a um biotipo, geralmente trazem um mix de proteínas, carboidratos, fibras, vitaminas, minerais e gorduras que, além de induzir a sensação de saciedade, serve para completar eventuais deficiências alimentares.

A bola da vez entre os suplementos auxiliadores do emagrecimento rápido é uma modalidade de shake que age especialmente no controle da glicemia no sangue, ou seja, o açúcar. Isto, confirmam nutricionistas, diminui a gordura, o peso corporal e reduz a circunferência abdominal.
Porém, é necessário fazer exames antes de aderir, checar as taxas de colesterol e triglicérides no corpo para que não haja nenhum dano à saúde.

O controle da glicose que vai para o sangue, depois da digestão, pode ajudar bastante. Nesse tipo de dieta, contar as calorias é menos importante do que focar no índice glicêmico baixo. Especialistas garantem o resultado rápido, mas profissionais como o nutrólogo Alexandre Merheb, mestre em nutrologia pela UFRJ, sugere que esse controle pode ser feito na reformulação do cardápio.

- Entre os alimentos com índice glicêmico baixo podemos incluir o arroz, o feijão, o aipim, o milho, a farofa, entre outros. No começo, durante os primeiros dez dias da dieta do índice glicêmico, eu proíbo exercício físico e libero o consumo de carne, para surpresa de muitos. É outro programa.

------------------------

shakes para emagrecer 0.

shakes para emagrecer 0
A Associação Brasileira de Defesa do Consumidor (ProTeste) reprovou a qualidade nutricional dos cinco shakes mais vendidos no mercado – os produtos são usados em dietas e programas de emagrecimento.

Segundo a entidade, a quantidade de nutrientes dos produtos (carboidratos, proteínas e gordura), avaliada em laboratório, não é balanceada. Por isso, diz a Proteste, não seria adequado substituir uma ou mais refeições pelo shake, conforme o sugerido pelos fabricantes, pois sobram ou faltam os pilares da boa alimentação, o que coloca a saúde em risco.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e os fabricantes dos shakes questionam a pesquisa da Proteste. Alegam que falta embasamento científico para as declarações, já que a própria associação dos consumidores afirma que os produtos estão dentro das normas sanitárias, em vigor desde 1998.

Em meio ao cabo de guerra entre Proteste, Anvisa e fabricantes de shakes estão os consumidores que, ao avistar as embalagens nas prateleiras de farmácias e supermercados, acreditam encontrar fórmulas eficientes e seguras para perder peso.

Consultados, os especialistas dão ganho de causa para os hábitos saudáveis. Orientam que, na dúvida sobre quais maneiras ideais escolher para entrar em forma, é sempre melhor recorrer ao cardápio natural e balanceado, atividades físicas e acompanhamento especializado em vez de produtos industrializados para substituir refeições.

As orientações

O consenso entre a associação que defende os consumidores, a agência que regula as normas sanitárias e os especialistas em nutrição é que os shakes jamais devem virar opções de cardápio sem o aval – e acompanhamento – de algum nutricionista ou médico.

A Anvisa, por exemplo, diz que quando as bebidas são utilizadas como substitutas do café da manhã, almoço ou jantar a própria legislação reforça que "isso somente pode ser feito sob orientação de nutricionista ou médico". Maria Inês Dolci, presidente da Proteste, já é mais enfática e contraindica o consumo deste tipo de produto em qualquer situação.

"Percebemos que não é um produto ideal e recomendável para ser consumido com frequência. Os aspectos nutricionais não são positivos e é sabido que uma dieta desbalanceada acarreta problemas sérios de saúde, como desnutrição e problemas hepáticos", alega a presidente da associação brasileira de defesa dos direitos dos consumidores.

Os nutricionistas, por sua vez, tendem a optar por um programa de redução de peso que não seja baseado na troca do almoço por um shake. O Conselho Regional de Nutrição responsável pela área de São Paulo e algumas cidades de Minas Gerais emitiu um parecer técnico sobre o assunto em 2006. Nele, a recomendação de alimentos para emagrecer, categoria dos shakes, deve ser uma "recomendação para curto prazo, com acompanhamento constante do profissional, além de avaliação nutricional constante".

Fernanda Vaz, professora e nutricionista clínica do Conselho Regional de Nutrição responsável pelas áreas do Rio de Janeiro e do Espírito Santo, informa que a qualidade nutricional dos shakes não é suficiente para substituir refeições e, sim, um lanche da tarde por exemplo.

"Sempre digo aos pacientes que os custos dos produtos são muito altos e, nutricionalmente, não compensam a substituição de uma alimentação balanceada", diz Fernanda. "Reforço que os hábitos saudáveis são melhores do que estes produtos, pensando nos resultados para emagrecer", completa a especialista.

A lista de doenças creditadas à alimentação com defasagem nutricional é extensa, formada por osteoporose, um dos inimigos das mulheres, e também por alguns tipos de câncer, conforme já alertou o Instituto Nacional do Câncer (Inca).

Os shakes, vale lembrar, não podem ser apontados como vilões exclusivos do cardápio ruim do brasileiro. O próprio Ministério da Saúde, em levantamento feito sobre os fatores de risco da população, identificou que 80% não comem a quantidade ideal de frutas e verduras e que 20% bebem refrigerante mais do que cinco vezes por semana. A obesidade e o peso em desacordo, por consequência, somam cerca de 30% entre os brasileiros, mapeou a Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade.

Os resultados da pesquisa

Shake BioSlim

Problemas identificados: carboidratos e proteínas acima do valor ideal e gorduras abaixo do valor ideal
Resposta do fabricante: todos os produtos da linha Bioslim Shake Diet estão rigorosamente de acordo com a legislação brasileira. No documento divulgado pela Proteste, a instituição afirma que relacionou o produto Bioslim Shake Diet a estudos científicos. Porém, não cita todos os critérios da análise.

Diet Shake

Problemas identificados: carboidratos e proteínas acima do valor ideal e gorduras abaixo do valor ideal
Resposta do fabricante: não respondeu até a publicação da reportagem.

Diet Way

Problemas identificados: carboidratos e proteínas acima do valor ideal e gorduras abaixo do valor ideal
Resposta do fabricante: não respondeu até a publicação da reportagem.

Herbalife

Problemas identificados: proteínas acima e gordura abaixo do valor ideal
Resposta do fabricante: a empresa não reconhece a pesquisa por desconhecer a metodologia e os critérios de pesquisa e avaliação do órgão. Todos os produtos foram submetidos ao rigoroso processo de aprovação da ANVISA.

In Natura

Problemas identificados: proteínas acima e gorduras abaixo do valor ideal
Resposta do fabricante: a engenheira de alimentos responsável pela área técnica da empresa diz que todas as normas da ANVISA são seguidas, que o produto é seguro para substituir refeições e que as críticas da Proteste são "avaliações pessoais" da entidade.

-----------------------------

Emagrecedores

Emagrecer Emagrecimento Dietas Emagrecedor